Quinta-feira, 5 de Março de 2009

Portugal? Que Portugal...

Algumas almas lusitanas falam com insistência na anexação deste rectângulo pelos nuestros hermanos. Nunca fui grande apologista da ideia (até me batia contra…), mas cada vez mais esta faz sentido. O D. Afonso, o primeiro, lá com as suas guerras não esperaria que após quase mil anos o país estivesse a bater no fundo (se calhar ainda há mais poço). Por isso Portugal está mesmo a precisar de algo fracturante que limpe a merda política que nos governa, e uma das hipóteses é a anexação pelos nossos vizinhos, a criação da Grande Ibéria.

Ainda assim, acho que prefiro um cenário semelhante aos acontecimentos na Argentina (bancarrota), com a ruptura das instituições e dos compadrios instalados (e já agora uma mulher - mulher mesmo e não uma cópia masculina, como a Manuela Ferreira Leite - no poder).

Será que somos um país demasiado pequeno para não se conseguir acabar com a promiscuidade entre poderes - politico, económico, industrial, futebolístico e jornalístico?

Será que o melhor é mandar tudo às urtigas e ir cavar batatas na Santa Terrinha? 

tags:
por joca às 17:22
link | comentar | adicionar
|

Todas as máximas já foram escritas. Resta apenas pô-las em prática - Blaise Pascal ...

pesquisar

 

Novembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12
13

14
15
17
20

21
22
24
26
27

28
30


posts

Dos Cavacos, dos Belmiros...

O mundo mais justo do neo...

A face do péssimo jornali...

Das escutas...

Paulo Portas - popularuch...

Quem manda?

Da confusão entre caridad...

Mais papista que o Papá -...

... e se for uma muçulman...

SNS - Sustentabilidade fi...

arquivo

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

tags

todas as tags

blogs SAPO

subscrever feeds